Sabor da imigração: análise de receitas de família e comensalidade em restaurante lusobrasileiro

Beatriz Carvalho Tavares, Verônica de Andrade Mattoso

Resumo


As receitas de família constituem importante fonte de estudos dentro da alimentação. A presente pesquisa teve por objetivo destacar as influências portuguesas na cultura brasileira, evidenciando as receitas de família como um aspecto antropológico particular. Como método, foi utilizada a Análise de Conteúdo para investigar as receitas dispostas no livro “Cozinhar é Preciso: a história e as receitas portuguesas de Henriqueta Henriques e da Gruta de Santo Antônio”. Na investigação, foram averiguadas 56 receitas segundo critérios técnicos, documentais, culturais  e afetivos, tornando possível identificar uma série de receitas tradicionais e regionais portuguesas, as quais possibilitaram estabelecer relação direta com características e elementos observados nas práticas alimentares brasileiras – quais sejam, ingredientes, preparos, técnicas, adaptações e, até mesmo, toda a receita – evidenciando a comida como vínculo identitário da migração portuguesa com o patrimônio alimentar brasileiro.


Palavras-chave


Afetividade; Memória; Migração portuguesa; Patrimônio alimentar; Receita de família.

Texto completo:

PDF


 Diretórios e Indexadores

 

REVISTA HOSPITALIDADE ISSN 1807-975X    e-ISSN 2179-9164

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia