Estudos de hospitalidade: análise bibliométrica e de redes sociais do campo de turismo no Brasil, 1990-2018

Andre Fontan Kohler, Luciano Antonio Digiampietri

Resumo


Trabalha-se com o campo de turismo no Brasil, definido como o conjunto de 3.887 artigos de 16 periódicos brasileiros de turismo, por meio de análise bibliométrica e de redes sociais. Com o estudo das palavras-chave, é descrita e avaliada sua trajetória, com foco no agrupamento de hospitalidade. Acerca dele, abordam-se a autoria (autores, instituições e distribuição geográfica), impacto e estrutura intelectual (referências). O agrupamento é claramente delimitado, e apresenta, como palavras-chave mais importantes, “hospitalidade” e “hotelaria”. Na autoria, é facilmente perceptível o amplo domínio e centralidade da Universidade Anhembi Morumbi; a produção do agrupamento está muito concentrada no Estado de São Paulo e Região Sudeste. O agrupamento tem uma média de citações por artigo mais baixa do que a do campo, e apenas um artigo dentre os mais citados, de autoria de Luiz Octávio de Lima Camargo. Nas referências, percebe-se a forte presença de docentes que trabalham ou trabalharam na Universidade Anhembi Morumbi, em autores e obras específicas, bem como a centralidade da Revista Hospitalidade na rede de periódicos. Apesar de os estudos de hospitalidade terem perdido participação no campo, trata-se de um agrupamento importante, cujo elemento central (autoria e estrutura intelectual) é a Universidade Anhembi Morumbi.

Palavras-chave


Turismo; Hospitalidade; Bibliometria e análise de redes sociais; Impacto; Estrutura intelectual

Texto completo:

PDF


 Diretórios e Indexadores

 

REVISTA HOSPITALIDADE ISSN 1807-975X    e-ISSN 2179-9164

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia