DIAGNÓSTICO DO POTENCIAL PARA CRIAÇÃO DE DESTINOS TURÍSTICOS INTELIGENTES NO ESTADO DE SÃO PAULO, BRASIL

Antonio Carlos Bonfato, Alessandro Augusto Rogick Athiê, Sarah Marcela Pelegrinetti

Resumo


O objetivo do estudo foi gerar dados contribuam para a melhora do processo do planejamento turístico municipal no Estado de São Paulo, Brasil. Através da análise das atuais condições da prática do turismo em 114 municípios paulistas, o estudo buscou levantar quais são as fragilidades que afetam os destinos turísticos e quais desses destinos teriam condições de se tornar um destino turístico inteligente no curto, médio e longo prazos. Os resultados aferidos devem gerar um ranking de prioridades para a implantação desses programas de. Os parâmetros que formaram a base par a análise foram divididos em sete Indicadores: condições gerais, sustentabilidade ambiental, sustentabilidade turística, acessibilidade, qualidade de vida, conectividade e sistema de informações turística. Após analisados os dados mostraram que nenhum município possui condições para implantação de um destino turístico no curto prazo e alguns podem recebe-lo no médio prazo. A metodologia envolveu pesquisas descritivas com fontes primárias, com preenchimento de questionários on-line, aliadas às análises de natureza qualitativa.


Palavras-chave


sustentabilidade turística; destinos turísticos inteligentes; planejamento turístico; turismo;

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21714/2179-9164.2019.v16n3.004

 Diretórios e Indexadores

 

REVISTA HOSPITALIDADE ISSN 1807-975X    e-ISSN 2179-9164

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia