A DÁDIVA COMO ELEMENTO DA HOSPITALIDADE

Laurence Podselver

Resumo


Esta reflexão propõe mostrar como o dispositivo estabelecido pelo sistema levítico torna a dádiva não apenas uma obrigação moral mas também um elemento fundamental na representação da sociedade, como o mostra o caso estudado da comunidade judia de Sarcelles A dádiva em dinheiro paga o trabalho do culto e instaura uma relação vertical, elevando o homem a Deus, e também uma relação horizontal, permitindo o funcionamento comunitário e afirmando a hospitalidade como acolhimento do outro. A dádiva exorbitante cria uma atmosfera de exaltação típica da experiência mística, que leva às vezes certas pessoas a ir além das suas possibilidades. Dessa forma, eles conservam sua honra diante dos outros e esperam que em breve os benefícios de sua devoção recaiam sobre eles e seus próximos. O que eles gastam a fundo perdido ganham em dignidade e em sentimento de sacralidade. 


Palavras-chave


Dádiva. Hospitalidade. Potlach. Comunidade judia.

Texto completo:

PDF HTML PDF_French HTML_French


DOI: https://doi.org/10.21714/2179-9164.2018v15n2.010

 Diretórios e Indexadores

 

REVISTA HOSPITALIDADE ISSN 1807-975X    e-ISSN 2179-9164

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia