Hospitalidade como Recurso Estratégico na Hotelaria: proposição de um modelo teórico-conceitual

Davi Alysson da Cruz Andrade, Edison Fernandes Polo

Resumo


Buscou-se neste estudo entender as dimensões que compõem o construto hospitalidade, no contexto da hotelaria, e sua configuração como recurso estratégico e fonte de vantagem competitiva para as empresas do setor de hospedagem. A partir da revisão da literatura sobre as Teorias da Hospitalidade, da Visão Baseada em Recursos (Resource-Based View) e da Vantagem Competitiva, propõe-se um modelo teórico-conceitual para melhor compreender e mensurar como a hospitalidade pode ser um recurso, servindo de apoio às empresas na definição de estratégias em busca de vantagem competitiva. Propõe-se que a hospitalidade, no contexto da hotelaria, é revelada por meio de seis dimensões: personalização, recepção calorosa, relacionamento especial, autenticidade, conforto e justiça de preço. Dentre as contribuições deste trabalho, destacam-se: a caracterização dos elementos que compõem/definem a hospitalidade na hotelaria, a partir da identificação das principais dimensões que a revelam; e a proposição de um modelo teórico, que permitirá o estudo empírico das correlações entre hospitalidade, recurso estratégico e vantagem competitiva. 

 


Palavras-chave


Hospitalidade; Recurso Estratégico; RBV; Vantagem Competitiva; Hotelaria

Texto completo:

PDF HTML


DOI: https://doi.org/10.21714/2179-9164.2018v15n2.002

 Diretórios e Indexadores

 

REVISTA HOSPITALIDADE ISSN 1807-975X    e-ISSN 2179-9164

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia