Lazer e turismo: o Observatório Abrahão de Moraes – IAG/USP (1972-2011)

Tomanik,$space}Geny Brillas
Programa de Pós-graduação em Hospitalidade, Universidade Anhembi-Morumbi
setembro, 2012
 
Formada em Turismo, com ênfase em Hotelaria, mestre em Hospitalidade na Universidade Anhembi-Morumbi e doutoranda em História Social junto à PUC-SP. Dissertação entre as finalistas da ANPTUR, 2013.
 

Resumo

Nesta pesquisa de natureza qualitativa analisa-se o Observatório Abrahão de Moraes (OAM), como espaço de lazer e de turismo, por meio de visitações públicas gratuitas, disponibilizadas à comunidade local e visitantes, entre eles, turistas. O OAM está vinculado ao Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas da Universidade de São Paulo (IAG-USP), e as suas principais atividades são direcionadas às pesquisas científicas em astronomia e astrobiologia. Este trabalho busca investigar a relevância do OAM para o desenvolvimento das atividades turísticas da região de Valinhos/Vinhedo-SP, onde está situado. Para esta finalidade foram entrevistados membros da equipe do OAM, gestores locais das áreas de turismo e/ou cultura, residentes da região e visitantes. Os resultados apontam para a reduzida visibilidade do equipamento junto à comunidade local, motivada pela escassa divulgação dessas atividades, a excelente avaliação dos visitantes quanto ao atendimento ao público e o interesse na fruição nesta modalidade de lazer socioeducativo, bastante rara no âmbito brasileiro.


Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia